Revista do Turismo – Negócios e Eventos

Compra de passagens internacionais para o Brasil cresce mais de 100% e chega a 1,48 milhão

Dados da ANAC mostram que movimentação de novembro de 2022 corresponde a 82,4% do tráfego registrado no mesmo mês de 2019

Aproximadamente 1,5 milhão de passagens internacionais foram compradas para o Brasil em novembro de 2022. O dado divulgado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) mostra que a movimentação corresponde a 82,4% do tráfego registrado no mesmo mês de 2019, último ano antes da pandemia de Covid-19, e a um aumento de 103,1% em relação aos 732,7 mil passageiros movimentados em novembro de 2021.

O volume de passageiros transportados em voos internacionais comprova que 2022 foi, de fato, o ano da retomada do turismo mundial. De janeiro a novembro, o Brasil registrou a entrada de mais de 3,1 milhões de turistas estrangeiros – foi a primeira vez desde 2019 que o país superou a marca de 3 milhões. O dado é captado pela Embratur, em conjunto com o Ministério do Turismo (MTur) e a Polícia Federal.

A quantidade de turistas estrangeiros entre janeiro e novembro de 2022 superou, inclusive, os últimos dois anos somados: 2020 (2,1 milhões) e 2021 (745,8 mil). Este levantamento considera visitantes do exterior que passam pelo menos uma noite no Brasil, conforme metodologia recomendada pela Organização Mundial de Turismo (OMT). Já os dados da Anac referem-se a passagens aéreas compradas mundo afora com destino ao Brasil, independentemente da nacionalidade.

Voos domésticos
Assim como na malha aérea internacional, o volume de passageiros transportados em voos domésticos também registrou crescimento: foram 7,37 milhões de passageiros movimentados no mês, 7,6% a mais que os 6,85 milhões de passageiros transportados em novembro de 2021. O movimento equivale a 91,2% do montante de passageiros transportados em novembro de 2019.

Já a movimentação de cargas registrada no mercado doméstico foi de 40,1 mil toneladas – 2,9% acima do movimento em novembro de 2021 e 95,9% do montante registrado em novembro de 2019. No setor de cargas internacionais, foram movimentadas 82,5 mil toneladas, em um recuo de 4,7% em comparação com a tonelagem observada em novembro do ano anterior.

* Com informações da Anac

Fonte: Embratur
Foto: Divulgação

Equipe RT

Os comentários estão encerrados.

plugins premium WordPress
Instagram